1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Autoconhecimento: A importância de priorizar

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Ficar de bem com a vida:

por Sandra Rosenfeld*

E-mail: contato@sandrarosenfeld.com.br

 

A palavra priorizar por si só já diz ou deveria dizer tudo. Mas está cada vez mais fácil nos deixarmos levar pelas distrações do momento, pelo que vai nos trazer um retorno imediato, mas sem consequências importantes para o nosso futuro. Deixando sempre para depois aquilo que pode nos levar à concretização dos nossos objetivos, dos nossos sonhos, do nosso sucesso.

 

Nós sabemos o que deve ser feito, onde deveríamos colocar nosso foco, disponibilizar nosso tempo, mas acabamos nos perdendo no WhatsApp, no Face, no Twitter, e até no LinkedIn, que, mesmo sendo uma plataforma profissional, se não for bem-utilizada, vai gastar o nosso tempo e não acrescentará o valor ao qual se propõe. Ou, ainda, não conseguimos abrir mão de alguns finais de semana ou algum tipo de diversão quando, na verdade, o que está em jogo é algo muito mais significativo para o nosso futuro. Por que fazemos isso conosco? Porque, geralmente, o que vai nos levar para onde queremos ou precisamos estar, o que pode fazer diferença em nossa vida, em curto, médio ou longo prazo, é mais difícil, exige mais da gente e, muitas vezes, nem é uma tarefa agradável.

 

Então, mesmo sabendo que o tempo que hoje vamos precisar disponibilizar vai ser recompensado com os resultados obtidos, é comum procrastinar, deixando-nos levar pelo que transmite uma falsa compensação momentânea de relaxamento e prazer. Alguns procrastinam tanto que perdem o timing, sim, alguns projetos têm timing, ou afastam tanto de si as possíveis realizações que perdem o interesse ou elas mesmas se perdem no emaranhado das coisas sem importância sendo realizadas.

 

É necessário ter claro os objetivos, os ganhos que se terá com eles; e não digo só de ganho material, mas emocional e mental. Aliás, vale ressaltar que aqui cabem todos os objetivos, inclusive, os pessoais, e não só os profissionais e financeiros.

 

É preciso traçar um planejamento e as estratégias para chegar onde desejamos. Isso deve ser feito em anotações, planilhas, tudo que for necessário para que se possa sempre visualizar e validar o que está sendo realizado e verificar se está dentro do tempo estipulado. Sim, é fundamental estipular prazos. E segui-los!

 

No que se refere à vida pessoal e, muitas vezes, afetiva também é necessário traçar metas, analisar pensamentos, rever sentimentos e emoções e elaborar ações. Por exemplo, se você quer ter um relacionamento sério, precisa definir o perfil da pessoa que você deseja a seu lado, escolher os locais que vai frequentar ou mesmo quais os sites de relacionamento mais apropriados a você. E focalizar, reservar tempo para isso. E preparar-se psicologicamente para muitos encontros decepcionantes, mas nem por isso desistir.

 

Pode ser que precisemos de um exemplo como espelho que vai nos incentivar a seguir em frente nos nossos objetivos, a trabalhar, por vezes, finais de semana inteiros ou por um período dormir pouco. Os melhores exemplos são as pessoas que venceram obstáculos e chegaram aonde queriam e, inclusive, além. Biografias são excelentes ou mesmo acompanhar a trajetória de alguém por meio de entrevistas, artigos, etc. Se é possível para ele ou ela, por que não vai ser para mim? Ou se estou numa posição menos confortável, o que mais preciso fazer diferente?

 

Uma coisa é certa, se não priorizarmos o que realmente é prioritário, em algum momento, a sensação de que fracassamos por nossa responsabilidade ou falta dela vai bater à nossa porta. 

 

* Sandra Rosenfeld, Escritora e Palestrante. Terapeuta em Qualidade de Vida como Instrutora de Meditação e Executive & Personal Coach. Autora dos livros “Durma Bem e Acorde para a Vida” e O que é Meditação, ed. Nova Era / Record.

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário