1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Dormir em 60 segundos: Três passos simples para um sono feliz

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Técnica ensinada por médico americano faz você dormir em 60 segundos

O método, entitulado como um “tranquilizante natural para o sistema nervoso”, é pioneiro, e consiste na diminuição da tensão corporal.

 

Um cientista americano afirma ter desenvolvido uma forma para que as pessoas peguem no sono mais facilmente. De acordo com o site do Daily Mail, a técnica de respiração 4-7-8 foi desenvolvido pelo Dr. Andrew Weill, que é formado em medicina na Universidade de Harvard, EUA.

A técnica tem como objetivo o rápido alcance da sonolência em apenas 60 segundos. O método, entitulado como um “tranquilizante natural para o sistema nervoso”, é pioneiro, e consiste na diminuição da tensão corporal.

Para conseguir você deve seguir os seguintes passos:

 

- Expirar completamente o ar de seus pulmões;

 

- Em seguida, fechar a boca e inalar o ar pelo nariz enquanto conta até quatro, mentalmente;

 

- Depois, segurar a respiração por sete segundos e expirar o ar pela boca contando até oito.

 

A cada quatro vezes que se faz essa mecânica se contabiliza um ciclo.

 

Para conseguir dormir, você deve repetir o ciclo três vezes.

 

Dr. Andrew ressaltou que a técnica é bem simples, leva pouco tempo e não requer o uso de nenhum tipo de equipamento. Ele fala que a técnica é inspirada em uma antiga prática indiana chamada de pranayama, que significa “controle da respiração”, e contou que ela ajuda no controle da ansiedade.

 

O médico sugere que a técnica seja praticada duas vezes por dia e entre seis e oito semanas pra que você consiga cair no sono em apenas 60 segundos.

 

Dormir pouco faz mal, mesmo que só por algumas noites, mostra pesquisa

 

Vários estudos já mostraram a relação entre a falta de sono e o risco de engordar e desenvolver diabetes tipo 2. Mas uma nova pesquisa mostra que apenas três noites mal-dormidas já são suficientes para reduzir a capacidade do organismo de regular o açúcar no sangue.

 

O trabalho, feito pela Universidade de Chicago, é o primeiro a analisar o impacto da restrição de sono sobre os níveis de ácidos graxos no sangue ao longo de 24 horas, segundo reportagem do jornal britânico Daily Mail.

 

Os testes foram feitos 19 homens saudáveis de 18 a 30 anos, que tiveram amostras de sangue colhidas e analisadas em intervalos de 15 a 30 minutos após três noites em que dormiram 8,5 horas, e depois de outras três noites com apenas 4 horas de sono.

 

Os pesquisadores descobriram que dormir pouco por três noites seguidas eleva os níveis de ácidos graxos circulantes em até um terço, levando indivíduos saudáveis a apresentarem condições semelhantes a dos pré-diabéticos por várias horas.

 

Segundo a equipe, a restrição de sono provoca mudanças na liberação do hormônio de crescimento e nos níveis de noradrenalina, levando ao aumento dos ácidos graxos. Enquanto os níveis permaneceram altos, a capacidade da insulina de regular o açúcar no sangue foi reduzida.

 

Os resultados foram publicados na revista Diabetology, da Associação Europeia para o Estudo da Obesidade.

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário