1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Assuma o comando!: Sua vida é uma obra de arte?

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

*Sandra Rosenfeld

 

Muitas pessoas acreditam não ter poder sobre sua vida, que são levadas pelo destino, que pode ser bom ou cruel. Que coisas acontecem repentinamente e que nada podemos fazer contra isso.

 

Outras pessoas acreditam justamente no oposto, que nada é obra do destino e que somos inteiramente responsáveis pela nossa vida, já que temos total livre-arbítrio. Mas sim, acontecem coisas as quais não podemos evitar.

Pessoalmente, como também inúmeras outras pessoas, acredito que é nem lá nem cá. Não estamos totalmente à mercê do destino, nem tão pouco temos irrestrito livre-arbítrio. E a vida é realmente imprevisível.

 

É fato que acontecimentos inesperados podem mudar radicalmente a vida de qualquer um. Mas é fato também que existe uma vida repleta de oportunidades e de escolhas a serem feitas. Porém, aí entra um detalhe importante; saber fazer boas escolhas e aproveitar as oportunidades vai depender de um leque enorme de fatores internos que começam a ser forjados desde o nosso nascimento e, algumas pesquisas indicam, que até antes quando ainda no útero. 

Então, até que ponto nós somos inteiramente responsáveis ou livres? Quantos de nós temos hábitos, pensamentos e atitudes que  prometemos, a nós mesmos, mudar e não conseguimos? 

Estamos sem saída, aprisionados? A maioria de nós está constantemente com algum tipo de dificuldade por anos ou, às vezes, a vida toda em alguma área; afetiva, psicológica, profissional, financeira ou familiar. Ou em várias delas simultaneamente.

O nosso livre-arbítrio, a meu ver, é mesmo pequeno. Mas, ainda assim, podemos usá-lo com sabedoria se conseguirmos desenvolver, maximizar as nossas qualidades e minimizar nossas “fraquezas”. Mas como conseguir isso?  Só conheço uma forma, através do autoconhecimento, de, ao invés de buscar as respostas fora, olhar para dentro. 

Independente de nós, a vida está aí para ser vivida. Vamos vivê-la em nuances de cinza ou colorida? 

 

O nosso controle de acontecimentos externos e até internos pode ser em alguns casos nenhum, mas a partir do momento em que saímos do estado de ignorância gerado pela falta de conhecimento de nós mesmos podemos, então, escolher como lidar com esses acontecimentos. Aí está o maior de todo o livre-arbítrio. Aí está nossa maior riqueza. Os acontecimentos importam muito pouco, o que vai fazer grande diferença no nosso aproveitamento da vida é como conseguimos transitar pelo que nos acontece.

A vida é de uma exuberância, beleza e impermanência absurdamente maravilhosas.  E está aí a nossa disposição.

Temos o pincel, as tintas, temos tudo ou quase tudo. Vamos transformar em um obra de arte ou num simples borrão?

 

*Sandra Rosenfeld

Escritora e Palestrante. Terapeuta em Qualidade de Vida como Instrutora de Meditação, Executive e Personal Coach.

Autora dos livros “Durma Bem e Acorde para a Vida” e "O que é Meditação", ed. Nova Era / Record.

contato@sandrarosenfeld.com.br

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário