1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Frieiras: Saiba como evitar micoses com hábitos simples

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Temidas no inverno, as frieiras podem ser evitadas com práticas simples

 

 Aquela coceirinha que começa entre os dedos ou ardor. Se você sente isso no inverno todo o cuidado é pouco, pois seus pés podem ter contraído um tipo bem conhecido de micose. A frieira, como é chamada desde os tempos de nossas bisavós, tem como nome científico a Tinea Pedis e para evitar que ela chegue até seus pés a Doctor Feet - franquia de serviços e produtos de tratamentos para os pés - traz algumas dicas simples e eficazes.

 

Em geral, é difícil detectar o inicio das micoces, pois elas se instalam sem alarde nos pés. Conforme explica a podóloga e coordenadora técnica da rede Doctor Feet, Cristina Lopes, micoses entre os dedos, as chamadas frieiras são descamações da pele que provocam coceira e até sangramento, em casos extremos. São causadas por fungos. Para evitá-las, é preciso lavar bem os pés e secar entre os dedos a cada banho.

 

Nesse período, em que os pés passam muito tempo dentro de calçados fechados e com meias quentes, a umidade causada pelo conjunto torna-se um ambiente ideal para a proliferação de micoses. Assim, a primeira dica é a constante limpeza dos pés e a escolha por meias de algodão que permitem uma melhor absorção do suor.

 

"Mulheres que usam meias finas podem usar, por baixo delas, meias do tipo sapatilha, de algodão, que são bem pequenas e discretas e absorvem o suor dos pés", indica.

 

Outra atitude importante que pode se adotar é usar um chinelo de borracha para tomar banho, retirando-o somente para lavar os pés (aproveite para lavar os chinelos neste momento). A podóloga também indica usar sempre desodorante ou talco para os pés com bactericida e fungicida (quem transpira excessivamente deve preferir o desodorante porque o talco, em ambiente úmido, cria resíduos).

 

Se a prevenção não foi suficiente e você pegou uma micose não perca tempo. Procure ajuda profissional o quanto antes e realize um bom tratamento. As micoses, além de piorar com o tempo, podem abrir caminho para outras doenças, pois deixam a área infectada frágil e com baixa imunidade. "Em primeiro lugar, é preciso diagnosticar o problema", explica Cristina. Ela conta que quando a micose está na pele dos pés, localizada entre os dedos, em geral é de tratamento mais fácil.

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário