1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


2014 - O ano do Cavalo: Saiba as previsões do calendário chinês

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Segundo a tradição chinesa os cinco elementos (Metal, Água, Madeira, Fogo e Terra) associam-se e se revezam ao animal do ano e de acordo com seu calendário, em 31 de janeiro de 2014 terá início o ano do cavalo que volta depois de 60 anos.

E chegou a hora da colheita - lembrando que colhemos aquilo que plantamos!, da renovação e de mudanças. 

O ano é oportuno para quem quer alcançar o sucesso e transformar a própria realidade superando questões de trabalho com determinação e coragem. Sabe aquele projeto engavetado? 2014 é propicio para realizá-lo. Arrisque-se e lute pelo que deseja! Bom para quem quer abrir um negócio, pois o cavalo é um trabalhador incansável.

No campo pessoal, será bom momento para assumir compromissos no amor, sendo muito favorável ao casamento. Além de corajosas, as pessoas estarão mais românticas e carinhosas. Como a tendência é que as pessoas se sintam mais corajosas, não se espante se receber o tão sonhado pedido! Como é tempo de mudanças, trocar de casa ou de pele, se reinventar, vai valer a pena. Fuja do convencional. A hora da guinada é agora, não desperdice sua vida.

Como o cavalo é regido pelo elemento fogo, o ano será muito movimentado e até turbulento. Devido ao seu caráter impulsivo, o cavalo pode provocar desgastes políticos. Os anos do cavalo tem sido decisivos para o mundo: a Primeira Guerra Mundial (1918), a Grande Depressão (1930), a Segunda Guerra Mundial (1942) e a Revolução Cultural Chinesa (1966) aconteceram em anos regidos pelo cavalo.

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário