1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Área de Proteção Ambiental: Conheça a finalidade, exemplos e os recursos

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

De acordo com a legislação ambiental brasileira, Área de Proteção Ambiental (APA) é aquela destinada à preservação dos recursos ambientais (fauna, flora, solo e recursos hídricos). Uma área de proteção ambiental pode apenas ter uso sustentável, ou seja, seu acesso, ocupação e exploração devem ser controlados para não prejudicar o ecossistema da área.

 

As áreas de proteção ambiental podem ter posse e domínios público ou privado. Porém, cabe aos órgãos governamentais a fiscalização da ocupação e exploração destas áreas.

 

Principais finalidades das áreas de proteção ambiental:

 

- Garantir a proteção dos ecossistemas e suas diversidades biológicas;

 

- Disciplinar a ocupação do solo;

 

- Possibilitar o uso sustentável dos recursos naturais (solo, água e vegetação).

 

Exemplos de Áreas de Proteção Ambiental no Brasil:

 

- Maciço de Baturité (Ceará)

- Chapada do Araripe (Ceará, Piauí e Pernambuco)

- Planalto Central (Distrito Federal)

- Chapada dos Veadeiros (Goiás)

- Serra da Mantiqueira (Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo)

- Fernando de Noronha (Pernambuco)

- Rota do Sol (Rio Grande do Sul)

- Bacia do Rio Paraíba do Sul (São Paulo)

- Várzea do Tietê (São Paulo)

- Sistema Cantareira (São Paulo)

 

 

Fonte: Toda Biologia

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário