1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Final de Junho: Tempo Intenso: Vênus e Saturno diretos, Urano e Plutão em quadratura, Sol e Netuno em Trígono

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Titi Vidal
e-mail: titividal@gmail.com
 
A partir de 25 de junho Saturno, que está em Libra, retoma seu movimento direto, depois de alguns meses pedindo profundas reflexões, especialmente sobre os relacionamentos e suas estruturas. Dia 27 de junho é a vez de Vênus, que também está retrógrada, retomar o seu movimento direto. Vale lembrar que a retrogradação do planeta dos relacionamentos (Vênus) coincidiu com a retrogradação de Saturno no signo dos relacionamentos (Libra).
 
Isso indicou um período importante em todo tipo de relação, para finalizar com chave de ouro a temporada de Saturno em Libra, que desde 2010 vem mexendo profundamente com a estrutura de todos os relacionamentos e, em muitos casos, abalando essas estruturas.
 
O fato é que Saturno em Libra vem dizendo que basta de relações superficiais e baseadas em aparências, basta de relações onde não há verdade, profundidade e amor (no caso das relações afetivas). Mas Saturno em Libra também está fortalecendo vínculos e oferecendo ainda mais estrutura para as boas relações.
 
Essa fase de retrogadações foi especialmente importante porque o momento é para fazer balanços e tomar providencias, mas de forma civilizada, através de acordos e bons entendimentos, o que pode se tornar impossível quando o Saturno ingressar em Escorpião, no fim desse ano.
 
Curiosamente, Vênus e Saturno ficam diretos praticamente juntos, pedindo que todas as reflexões sejam transformadas em ação o mais rápido possível.
 
Também podemos esperar mais movimento a partir dessa  semana em muitos assuntos, mas especialmente nos relacionamentos. Chegou a hora de agir e muita coisa pode acontecer, pois o astral afetivo volta a fluir.
 
Mas sempre que planetas mudam de direção, isso pode se refletir em nossa vida. Isso significa que algumas situações podem mudar, que relacionamentos e pessoas podem tomar rumos diferentes do esperado.
 
Até porque isso vai coincidir com a quadratura exata entre Urano e Plutão, que já vem mostrando seus efeitos nos últimos tempos, mas que ganha ainda mais intensidade a partir dessa semana. Situações em geral chegam ao seu limite. O que está por um fio pode se arrebentar. O que está balançando pode cair. Com Urano e Plutão aquilo que não se sustenta não tem mais condições de ficar. As estruturas são abaladas, o chão treme, as coisas caem, desmoronam. E não adianta se apegar no que não tem raiz, porque ficar apegado ao que não é apenas vai gerar mais sofrimento. A ideia geral desse aspecto é que, se do jeito que está não está bom, temos que mudar! Na verdade, mesmo aquilo que se sustenta pode ter suas estruturas testadas, porque sempre há o que melhorar e/ou aprofundar.
 
Mas vale lembrar que os efeitos desse aspecto serão sentidos até 2015, ou seja, ainda temos tempo pela frente. Justamente por isso, quanto antes fizermos nossos movimentos, melhor. Quanto mais isso partir de nós mesmos, melhor também. O Urano em Áries está pedindo isso mesmo, para nos anteciparmos, para mudar o que não está bom, para fazer diferente. Mudar as ações para que os resultados sejam outros. E o Plutão em Capricórnio lembra que isso deve ser feito com profundidade, que são as estruturas que devem mudar, ou seja, as mudanças devem ser a partir da base, a partir da raiz.
 
E não tem mais como “tapar o Sol com a peneira”. Os problemas estão aí e agora nós estamos vendo com clareza, seja o que diz respeito a nossa própria vida, seja aquilo que acontece no mundo. Estamos vendo que nossos modelos estão ultrapassados, que a vida de forma geral precisa mudar, pois caso isso não aconteça o caminho natural é a destruição, o aumento dos problemas e das tensões.
 
Bom, mas não devemos ficar com medo, porque isso é uma espécie de “limpeza” e se toda sujeira está sendo exposta, é porque chegou o momento de fazer a grande faxina, dentro de nós e no mundo.
 
Esse céu também é um convite para viver mais o presente, sem tanto apego ao que já foi, especialmente àquilo que já não funciona mais. Olhar para trás, só se for para guardar e aprender com as experiências do passado, mas é preciso fazer isso com carinho e sem apego, porque esse céu cada vez mais acelerado nos diz que temos muito trabalho pela frente e que, portanto, não temos tempo a perder.
 
Por falar em passado, a quadratura exata entre Urano e Plutão está trazendo à tona situações que estavam “escondidas”, coisas difíceis que aconteceram e que precisamos saber e/ou resolver.Vale lembrar que essa quadratura é um desenvolvimento da conjunção que aconteceu nos anos 60, especialmente entre 64 e 66 e estamos mesmo vendo notícias sobre muitos eventos daquela época. Mas aqui também a ideia é trazer à tona o que estava escondido, e olhar tudo isso para deixar tudo bem.
 
Mas voltando aos relacionamentos, como esta semana temos também Vênus e Saturno em pauta, tudo isso vale para todos os assuntos afetivos e vale a pena uma reflexão especial sobre isso.
 
Quem está sozinho (e se lamenta por isso) deve colocar em prática as reflexões sobre suas necessidades pessoais e afetivas, deve mudar de atitude e fazer a sua parte para ter alguém especial. Quem tem alguém deve se perguntar se é mesmo uma boa relação, porque se não for, talvez seja hora de partir, ou pelo menos de mudar. Mas com certeza os bons relacionamentos ganham ainda mais união, mais força, mais estrutura. Os bons relacionamentos se fortalecem e pode ser um bom momento de pensar mais concretamente no futuro, mas vivendo intensamente o que o momento presente está pedindo.
 
Para completar o astral intenso dos últimos dias de junho, temos o Sol em Câncer ativando positivamente o Netuno em Peixes, pedindo fé e esperança. Pedindo também um olhar mais sensível para o mundo e tudo que acontece no mundo. Trazendo à tona a necessidade de termos mais compaixão, com nós mesmos e com os outros. Está pedindo também mais carinho, mais sensibilidade, mais amor, pois assim fica mais fácil encarar os desafios, atravessar as crises e encontrar solução.
 
Aliás, esse céu pede e propõe soluções mais criativas, mais sensíveis, que podem ser apontadas pela intuição, que podem ter a ajuda de outras pessoas, do mundo espiritual. Mas que sempre partem do coração.
 
E esse astral mais sensível é mais um indício de que os relacionamentos estão em pauta nesses dias, que merecem mais atenção e cuidado. Assim, é hora de olhar não apenas para as próprias necessidades, mas é fundamental buscar mais verdade e profundidade em tudo, olhando também para as pessoas com quem nos relacionamos com mais amor, com mais carinho, com mais sensibilidade, pois um relacionamento só pode dar certo se está bom para ambas as partes e esse também é mais um dos muitos ensinamentos que estamos tendo nesses tempos de Saturno em Libra.

 

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário