1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Amuletos da Sorte: Conheça seu significado e origem

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

 

A origem da palavra amuleto surgiu do latim “amuletum”, que significa “um objeto a ser usado para a defesa”, ou do árabe “hamalet”, que significa “aquilo que está suspenso.” Os Amuletos da sorte, na maioria das vezes, tem pedras preciosas, moedas, pingentes, anéis e símbolos místicos ou religiosos, e quase todas as culturas e as religiões têm alguma forma de amuleto específico na sua história e tradições.

 

Muitos dos amuletos da sorte são usados junto ao corpo, as pedras, cristais e o seu poder de cura são considerados amuletos da sorte e podem ser usados isoladamente ou juntamente com outros símbolos de poder.

 

Você conhece o significado dos principais amuletos usados? 

 

Figa

De acordo com a tradição afro-brasileira, “fecha o corpo”, deixando quem a usa a salvo de agressões físicas e espirituais. 

 

Olho grego

Utilizado como pingente ou objeto de decoração, sua principal finalidade é proteger contra energias negativas, mau-olhado, inveja. Não importa o tamanho, a peça deve ser sempre azul e de vidro. Essa cor absorve e filtra as vibrações nocivas. Já o vidro costuma rachar quando saturado de energia – sinal de que o amuleto cumpriu sua função. Os cacos devem ser jogados fora e a peça, substituída por uma nova. Quando usado para a proteção do ambiente, deve ser fixado perto da porta. 

 

Escapulário

Tem a imagem de Nossa Senhora do Carmo atrás e a do Sagrado Coração de Jesus na frente. Ele é utilizado como protetor. No dia a dia, deve-se sempre rezar uma oração para si, para a igreja e para as carmelitas.

 

Cruz

É um dos signos universais mais antigos, com registro nas culturas egípcia, chinesa, etc. Os significados são semelhantes em várias religiões: eles remetem a ressurreição, a fertilidade e a recriação.

 

Talismãs brasileiros 

A fita do Bonfim concede três graças à pessoa que a usa. Já a pimenta e o alho guardam contra mau-olhado. O colar com as sete linhas oferece a bênção e proteção dos orixás. 

 

Patuá

Incorpora símbolos cristãos e africanos. Nossa Senhora protege. Santo Expedito resolve as causas impossíveis. Santo Antônio é padroeiro do casamento e do amor. Já a semente vermelha de pau-brasil simboliza a proteção da natureza, enquanto que a figa dá fertilidade. O patuá ainda traz uma Oração de São Gregório, que guarda a casa e a família.

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário