1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Golfinhos: cheios de truques: Mamíferos aquáticos superinteligentes, brincalhões e que se comunicam muito bem

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Eles adoram saltar, brincar e parecem estar sempre sorrindo. Por trás dessa simpatia, os golfinhos escondem outras grandes surpresas. Uma das mais legais é o jeito como se comunicam: eles produzem sons parecidos com assobios, que saem pelas cavidades nasais e servem para trocar informações. Irado!

HORA DA CHAMADA
Alguns cientistas acreditam até que cada golfinho tem um nome: a espécie nariz-de-garrafa já foi observada emitindo sons para chamar a atenção de apenas um membro do grupo. Tanta comunicação é útil porque os golfinhos vivem sempre em turmas, que vão de dez a mil bichos. Eles fazem muitas coisas juntos, como caçar, e até se protegem em conjunto! Em algumas espécies, os machos do grupo nadam em volta da turma para protegê-la de predadores, como tubarões.

MIL E UMA UTILIDADES
Os sons que os golfinhos emitem ainda revelam mais um poder desses mamíferos: um tipo especial de ruído se desloca rapidamente pela água, bate nos obstáculos do caminho e retorna. A partir do som que recebem de volta, os golfinhos conseguem saber a distância a que estão de um possível perigo e até de uma presa. A tática também ajuda a nadar por águas escuras.

CAMPEÕES DE NATAÇÃO
Golfinhos nadam a até 40 quilômetros por hora (o mesmo que um carro em baixa velocidade). Os saltos chegam a cinco metros de altura, o equivalente a quase dois andares de um prédio. E os mergulhos também impressionam: duram até 20 minutos e chegam a 280 metros de profundidade (duas vezes o comprimento de um campo de futebol).

DESCANSO RÁPIDO
O sono dos golfinhos é um mistério, pois eles precisam ir sempre à superfície para respirar. É provável que esses bichos deem apenas pequenos chochilos dentro da água, para recuperar as energias e voltar a nadar e caçar.

FICHA DO BICHO
Número de especies: 36
Tamanho: de 1,2 metro a 10 metros (a maior da família é a orca)
Peso: de 40 quilos a 9 toneladas
Alimentação: peixes, camarões, polvos, lulas e outros moluscos
Tempo de vida: de 20 a 90 anos
Onde vive: em oceanos e rios de todo o mundo. Os que moram em rios são chamados de botos

*A visão é bem desenvolvida e permite enxergar dentro e for a da água.
*A audição é ainda mais apurada do que a visão e pode captar os diversos ruídos produzidos pelo grupo.
*A nadadeira ou aleta dorsal, localizada nas costas, dá estabilidade para nadar.
*As nadadeiras peitorais têm estruturas ósseas parecidas com uma mão humana e são usadas para a movimentação dentro da água.
*Há sensores de tato ao longo de todo o corpo que identificam vibrações e informações sobre a temperatura, como a pele humana.
*A abertura na cabeça é o respiradouro. É por ela que o golfinho respira na superfície. Quando o bicho está submerso, o ar sai e o orifício se fecha
*A pele é bastante lisa e ajuda o bicho a deslizar mais facilmente pela água.


Fonte: Planeta Sustentável

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário