1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Onde está o meditador?: Bhaskar reflete sobre meditação

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Quando você diz “vou fazer uma meditação” há algo nesta expressão que não é simplesmente reflexo do limite das palavras – limite que a gente sempre vai encontrar quando pretende expressar o que não tem tamanho nem nunca terá, o que não tem nome ou forma, aquilo que não se pode tocar nem cheirar, aquilo que É.

É que “vou fazer” impõe a idéia de que “alguém” estará “fazendo” alguma coisa, quando o estado de meditação seria exatamente aquele paraíso perdido em que o Ser está assentado em pura consciência, plena, de forma a não haver o “Eu” nem o “Outro”, de forma a não haver “Ação” e muito menos algum “Autor” de qualquer ação, de forma a não haver nem “Meta” nem “Caminho”.

Um jovem guru de nossos tempos, californiano que vive em San Francisco, Adyashanti trilhou o caminho Zen e vivenciou na pele a angústia que é de muitos meditadores: disciplina, horas e horas sentado em silêncio, algum raro momento de real relaxamento e pouca vitória no que parece ser uma verdadeira guerra para “acalmar a mente”. Em livro que já tem 5 anos de vida – True Meditation (Meditação Verdadeira), Adyashanti revela sua trajetória em busca de uma relação com as práticas espirituais em que toda a intensidade jogada nos métodos (o que seria “concentração”) seja apenas uma espécie de aquecimento para que corpo e mente estejam a ponto de testemunhar uma entrega que só é possível no “deixar rolar” – o que tiver que acontecer, acontece, sem interferência da mente.

Adyashanti usa de grande clareza de pensamento para construir profundidade nos ensinamentos. Sendo um mestre ocidental e jovem, fala diretamente ao coração e ao entendimento da gente. Sua presença é, em si mesma, a manifestação de que a verdadeira natureza do Ser está além do meditador, além do ego que tem a ilusão de ser aquele que faz, aquele que atua, aquele que medita.

No belo website www.adyashanti.org há muitos textos e vídeos (infelizmente apenas em inglês) para que você possa inundar-se da presença de Adyashanti. Bom apetite!

    
    
Fonte: Swami Devam Bhaska, Instrutor da Oneness University (Índia), consultor na área da comunicação para a transformação social e jornalista dedicado aos Direitos Humanos.    
    

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário