1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Vegetarianos Veganos: Saiba mais sobre essa prática

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Considerado um estilo de vida, os praticantes não comem carne e produtos que incluam qualquer forma de exploração animal no processo produtivo. A alimentação variada mantêm os veganos saudáveis e menos propensos a terem doenças crônicas e o câncer

Por mais fome que estejam sentindo, eles dispensam um suculento pedaço de carne. Não importa se bem passada ou ao ponto, proteínas de origem animal estão totalmente excluídas do cardápio dos chamados vegetarianos veganos. Esse tipo de postura não está relacionada somente a uma dieta rigorosa, mas a princípios de vida baseados nos direitos dos animais.

Sim, é verdade! O veganismo desde 1944, data de sua criação, é um movimento que vem atraindo cada vez mais adeptos. Os seus fiéis seguidores repudiam o consumo de produtos que tenham sido testados ou incluam qualquer forma de exploração animal nos seus ingredientes ou no processo de fabricação.

Para a maioria das pessoas ainda é muito difícil conceber a ideia de excluir a carne das refeições diárias ou estar atento as matérias-primas utilizadas nos alimentos, antes de consumi-los. Então, a primeira questão que vem a mente quando se trata dos veganos é: o que eles comem?

Para entender melhor, vamos começar pelo o que eles não comem. Estão fora do cardápio qualquer tipo de carne vermelha, branca, porco, peixe, frutos do mar, além de leite animal e derivados, como iogurte, queijo de vaca, ovelha, cabra, entre outros. Em contrapartida, está liberado o consumo de frutas, vegetais, muitas folhas verdes, sementes, frutas secas, grãos integrais e legumes. Já as proteínas podem ser encontradas na batata, pão integral, arroz, brócolis, espinafre, amêndoa, ervilha, grão de bico, manteiga de amendoim, tofu, leite de soja, lentilhas e na couve, por exemplo. “O segredo para uma dieta saudável é a variedade. Com esse tipo de alimentação, eles conseguem diminuir a incidência de doenças crônicas, como as cardíacas e o câncer.”, explica a nutricionista consultora da SupraSoy, Nathália Califre. 

“O veganismo é um estilo de vida saudável para quem pratica. Além disso, é no mínimo, um convite a todas as pessoas para fazerem uma reflexão sobre a qualidade dos alimentos que estão sendo ingeridos e como a alimentação é importante para manter o corpo com energia e vigor.”, analisa Nathália.


FONTE: Nathália Califre, nutricionista

 

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário