1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Astrologia Védica: Entenda a astrologia indiana que ajuda a diminuir o sofrimento

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Jyotisha é o sistema hindu de astrologia, uma das seis disciplinas do Vedanta, e considerada como uma das mais velhas escolas da astrologia antiga tendo uma origem independente, interagindo com todas as outras escolas na Índia. O termo em sânscrito deriva de jyótis (desmembrado em "Ja"+"Ya"+"O"+"T"+"ish" para chegar ao significado que é "água ou nascer" + "além de" + "terra" e "estrelas" + "conhecimento" equavalente àquele que tem conhecimento, ou iluminado com conhecimento, do nascimento, destino, e relações com a água, terra e estrelas) ou ainda quer dizer "luz, brilhante", mas no plural também pode significar "os corpos estelares, planetas e estrelas". Jyotish pode de fato ser entendido como a "ciência dos corpos estelares". De fato, Jyotish tem historicamente sido parte de uma contínua aproximação "holistica" para a vida e as práticas espirituais dentro do cotidiano Hindu predominante na Índia.

Jyotisha é frequentemente discutido como um elemento instrucional do Rig Veda, e da mesma forma como um Vedanga, ou "parte separada" dos Vedas.


A Astrologia Védica surgiu na Índia por volta de 4000 anos atrás, no Tempo dos Vedas, das Escrituras Indianas. Um período em que a sociedade indiana era muito espiritual e não tinha muita preocupação com a matéria. A astrologia puramente védica era usada exclusivamente para a orientação espiritual das pessoas.


Existe uma controvérsia quando se fala em Astrologia Védica referindo-se à Astrologia Indiana.


Hoje em dia a Astrologia Indiana ou Jyotish (nome muito comum na Índia) engloba não só aspectos espirituais, abrange também aspectos materiais como matrimônio, saúde, vida, carreira, negócios e finanças, é muito mais abrangente.


Por estes aspectos seria uma pretensão nossa dizer que a Astrologia Indiana praticada hoje em dia é puramente Védica e exclusivamente espiritual, como era praticada nos tempos dos Vedas. Sendo assim, o nome mais correto para a astrologia praticada pelos indianos e oriunda da Índia é Astrologia Indiana, Hindu ou Jyotish.

A Astrologia Ocidental ou Tropical é uma ferramenta de autoconhecimento que funciona como um espelho para que você possa fazer uma análise interna, refletindo o seu temperamento e aspectos psicológicos.

O mapa astrológico tropical focaliza aspectos psicológicos da pessoa enquanto que o mapa sideral (Astrologia Indiana) tem uma análise kármica, espiritual.

O mapa tropical utiliza a posição teórica das constelações, não considera a inclinação que a Terra sofreu ao longo dos anos como é considerado no mapa sideral da Astrologia Indiana ou Astrologia Védica.

A Astrologia Indiana começou com a Astrologia Védica, que era somente espiritual, e foi se transformando à medida que a sociedade indiana também foi se mudando e decaindo em termos espirituais.


A Astrologia Indiana hoje ainda tem a essência de espiritualidade, mas está muito mais abrangente. Ela compreende desde a parte espiritual até aspectos materiais, passando por matrimônio, saúde, propriedades, carreira, finanças, amor, etc.


Ela é muito detalhista, busca todos os aspectos possíveis da vida de uma pessoa encarnada na Terra. Uma diferença significativa entre a Astrologia Indiana e a Astrologia Ocidental é que a Indiana faz a previsão e também dá ferramentas para minimizar dor e sofrimento que estejam traçados no seu mapa sideral.

Redação Bemzen, com Wiki e astrologiaindiana.com

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário