1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


A impermanência também liberta: Por um lado ela pode ser benéfica

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Estou lendo o livro A arte do Poder de Thi Nhat Hanh. Em determinado capítulo ele fala sobre a impermanência e de uma forma muito interessante, mostrando que ela é também libertadora.

Nós procuramos de fato por estabilidade o tempo todo. É complicado, é amedrontador, aceitar que essa estabilidade não existe. Mas não existe mesmo. Estamos todos e tudo em constante transformação.

Hoje eu posso ser amada e amanhã rejeitada. Hoje eu posso ter uma casa confortável e aparentemente segura e uma intempérie da natureza a destruir ou danificar. Neste momento em que escrevo este artigo estou viva, mas daqui a alguns minutos posso não estar.

Nesses aspectos a impermanência pode ser angustiante, principalmente se não aceitamos ou a ignoramos. E muitos fazem isso no seu dia-a-dia. Por exemplo, mantendo um relacionamento a qualquer custo ou um emprego infeliz, mas que traz uma idéia de estabilidade, de segurança.

Não tem nada mais inteligente e que pode trazer uma mudança profunda na forma de se relacionar consigo próprio, com as pessoas que amamos e de ver a vida do que aceitar a impermanência. Isso nos leva a estar mais presentes, a ser mais cuidadosos nos nossos relacionamentos, a valorizar o que realmente tem valor, a ter uma vida mais plena e, portanto, mais feliz.

A impermanência se de um lado ameaça de outro beneficia. É ela que nos liberta das dores, dos sofrimentos, das ansiedades, das angustias, dos maus pensamentos, das dúvidas, das perdas materiais, das dívidas, dos fracassos, porque tudo isso também passa, também se transforma.

Num parágrafo do livro, o autor discorre sobre o tema de modo mais abrangente: “…Tudo é impermanente, inclusive a injustiça, a pobreza, a poluição e o aquecimento global.”

Então, nesse aspecto a impermanência nos dá alento. Saber que “isso também vai passar” é muito bom, ajuda a enfrentar, a suportar, a esperar…


Sandra Rosenfeld - escritora, coach pssoal, palestrante e instrutora de meditação
E-mail: contato@sandrarosenfeld.com.br
 

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário