1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Quiropatia: A coluna como chave para ter uma vida saudável

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

O pai da Medicina, Hipócrates, afirmava: "Procure bem na coluna a base da doença." Ciência conhecida pelos antigos gregos, egípcios, chineses e hindus, há mais de três mil anos, a Quiropatia teve seu desenvolvimento no mundo contemporâneo a partir de 1895, com os estudos realizados pelo médico David Daniel Palmer, nos Estados Unidos

A base teórica da Quiropatia está fundamentada no estudo das articulações em geral, especialmente da coluna vertebral e de sua relação com os nervos que conduzem os impulsos vitais a todo o organismo. Pequenos desvios de alinhamento das vértebras -ou qualquer outra articulação- que alterem ou dificultem os movimentos normais do corpo, podem determinar compressão ou irritação dos nervos, causando sinais e sintomas de doença

Esses desalinhamentos podem ser causados por movimentos cotidianos feitos sem nenhum cuidado, como levantamento de peso ou má postura ao sentar-se para trabalhar ou mesmo assistir à televisão. Perde-se o bem-estar físico e mental. Em muitos casos, poderão ocorrer vários distúrbios no organismo, desde a sensação de mal-estar generalizado até uma doença em grau mais profundo.

Na prática, a Quiropatia consiste na detecção e correção manual destas anormalidades de alinhamento e movimento. Os nervos, assim liberados, voltam a conduzir de modo normal os impulsos nervosos antes comprometidos, restaurando a saúde do organismo.

O principal objetivo da Quiropatia é capacitar o corpo a utilizar seus próprios recursos biológicos para retornar às suas funções normais.

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário