1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes


Proteção solar: saiba se proteger corretamente: Pesquisa aponta que consumidor não aplica protetor de forma certa

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Se o volume de produto for aquém a uma colher de chá rasa para toda a área exposta, que deve ser aplicado a cada duas horas, os raios solares vão causar sérios problemas à pele, até mesmo câncer.

O uso de protetor de filtro/bloqueador solar deve ser um hábito diário durante todos os dias do ano, mas no verão os raios solares ficam mais fortes e atingem com mais contundência o ser humano. O risco maior é o câncer de pele, que é um dos tipos mais comuns no mundo. Por isso, é primordial usar o protetor solar de forma contínua e na quantidade ideal.
Segundo estudos do Indian Journal of Dermatology, a porção ideal de protetor solar deve ser de acordo com a área da pele que ficará exposta ao sol. A pesquisa aponta que no rosto dos homens, o correto é aplicar 1,5 ml/cm² (quantidade de protetor solar para cada centímetro quadrado), e 1 ml/cm² nas mulheres, pois elas têm uma área facial menor. Esses números, na realidade, equivalem a uma colher de chá rasa, que deve ser aplicada a cada duas horas, de preferência no horário entre 10 e 16 horas. O mesmo estudo, contudo, indica que os consumidores usam, em média, de 0,5 a 1,5 ml/cm² de protetor a cada aplicação, o que fica muito aquém da quantidade desejada.
O professor de Cosmetologia e diretor da Consulfarma, Maurício Pupo, confirma que muitas pessoas aplicam, em média, 30% da quantidade ideal para garantir a proteção. "Se o volume utilizado for abaixo daquele aconselhado, a proteção será muito menor e vulnerável, pois os cálculos de Fator de Proteção Solar (FPS) são logarítmicos, isto é, ao ser aplicado, por exemplo, um produto de FPS 60 em menor quantidade, o consumidor não terá nem o equivalente a FPS 30, ocasionando queimadura na pele", explica o professor.
Entretanto, não é apenas na praia ou durante o verão que é importante a prevenção ao sol. Mesmo na cidade é extremamente saudável e recomendável o uso do protetor solar. Por isso, já é possível encontrar no mercado brasileiro filtro solar para o dia-a-dia, como o Normalize, da ADA TINA, que, em uma única aplicação, protege a pele durante 12 horas, contra todos os tipos de raios ultravioletas.
"Usar produtos de baixa qualidade não apresenta garantia nenhuma contra os raios ultravioletas, além das conseqüências negativas no bolso do consumidor. Usar filtro solar diariamente e de qualidade é optar por uma vida saudável", finaliza Pupo.

Prof. Maurício Gaspari Pupo
Coordenador da Pós-Graduação com MBA em Cosmetologia das Faculdades Unicastelo de São Paulo, Unigranrio do Rio de Janeiro e Metrocamp de Campinas. Diretor Técnico da Consulfarma Assessoria Farmacêutica.

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias



Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário