1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes

Infecção Urinária: Especialista esclarece as principais dúvidas sobre a doença

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut


A infecção do trato urinário (ITU) é caracterizada pela  presença de micro-organismos na urina, o que leva à inflamação das vias urinárias e, em casos mais graves, dos rins. A infecção pode ser causada por bactérias, vírus ou fungos que se multiplicam ao redor da uretra e conseguem atingir a bexiga. O professor assistente da disciplina de Urologia da Faculdade do ABC e mestre em cirurgia pela Santa Casa de Ciências Médicas de São Paulo, Prof. Dr. Caio Cintra, esclarece os principais questionamentos sobre essa doença bastante comum em mulheres – cerca de dois terços delas já experimentaram um episódio de infecção urinária –, e ainda dá dicas de prevenção.


1.        Quais as causas da infecção urinária?

Prof. Caio Cintra - A maioria dos casos é decorrente de uma contaminação ascendente, via uretral – sobretudo nas mulheres – por bactérias que normalmente colonizam a região do períneo e que fazem parte da flora intestinal habitual. Em alguns casos, as causas estão associadas à disseminação hematogênica - pelo sangue -, principalmente em recém-nascidos ou são associadas ao uso de sondas vesicais durante a internação hospitalar. Entretanto, as mulheres são as que mais sofrem com a infecção urinária. Sabe-se que cerca de dois terços das mulheres experimentam, no mínimo, um episódio na vida, 23% dessas pacientes têm dois episódios e 5% têm recorrências. Cada episódio causa cerca de seis dias de sintomatologia e dois a três dias de comprometimento das suas atividades.

 
2.    Por que a infecção urinária é mais frequente em mulheres?  

Prof. Caio Cintra - As mulheres possuem uma uretra mais curta e, além disso, sua posição anatômica facilita a contaminação durante a relação sexual, por exemplo. Homens normalmente só apresentam ITU se a infecção apresentar origem hematogênica, ou seja, estiver associada ao uso de sonda vesical ou se o indivíduo apresentar alterações anatômicas e/ou funcionais do trato urinário inferior.

 
3.    A infecção urinária é contagiosa? Se sim, podemos contraí-la de que maneira?

Prof. Caio Cintra - A infecção urinária bacteriana não é contagiosa e também não pode ser transmitida entre indivíduos. A contaminação depende basicamente do organismo de cada pessoa. Existem mulheres com predisposição genética à infecção urinária por possuírem receptores de membrana celular compatíveis com as cepas de adesão bacteriana. Indivíduos que já possuem diabetes ou que fazem o uso de sondas estão mais propensos a contrair a doença.



4.    Quais são os sintomas e como é feito o diagnóstico?

Prof. Caio Cintra: Os principais sintomas são ardor ao urinar, vontade de ir ao banheiro com frequência e sangramento urinário. O paciente ainda pode apresentar, ou não, febre associada . Para diagnosticar a infecção urinária é necessária a realização de um exame de cultura de urina. No entanto, o seu resultado demora alguns dias.
Para que não se aguarde tanto para iniciar o tratamento, via de regra um exame mais simples, e de resultado mais rápido, é utilizado: a urina tipo 1. Porém, é importante frizar que as alterações observadas neste exame são inflamatórias e inespecíficas e que o diagnóstico de certeza necessita da cultura.

 

5.    Como é feito o tratamento?


Prof. Caio Cintra - O tratamento deve ser indicado pelo médico após confirmação diagnóstica. As infecções urinárias simples, no caso da cistite, normalmente são tratadas em três dias com antibióticos específicos.  A presença de sintomas mais sérios (febre, confusão, náuseas, vômitos etc.) é um sinal de que as bactérias se espalharam para a corrente sanguínea e, neste caso, pode ser necessário internar o paciente para tratamento endovenoso. Neste caso, o tratamento é mais prolongado, de pelo menos 7 dias, podendo ser necessário o seu prolongamento em até 21 dias. É muito importante que o tempo de tratamento seja respeitado e seguido, mesmo após o desaparecimento dos sintomas.

 

6.    Quais os cuidados que devemos tomar para evitar a infecção urinária?


Prof. Caio Cintra - De uma maneira geral, pacientes com predisposição individual ou com alterações anatômicas ou funcionais do trato urinário, devem ingerir cerca de um litro e meio a dois litros de água por dia. As mulheres podem prevenir a doença tratando de infecções ginecológicas prontamente e com a higiene adequada da região íntima, sobretudo, na hora de usar o papel higiênico. As mulheres devem fazer movimentos de frente para trás, prevenindo a contaminação da uretra por bactérias intestinais.

 

7.    A ingestão de bebida alcoólica pode interferir negativamente no tratamento?


Prof. Caio Cintra - A ingestão de bebidas alcoólicas aumenta o volume urinário através de um mecanismo duplo, que involve a hiperidratação e a inibição do hormônio antidiurético. Com isso, o nível de antibiótico circulante diminui, uma vez que ele é perdido e desperdiçado na urina. Consequentemente, o álcool diminui a biodisponibilidade e o efeito do antibiótico, comprometendo a eficácia do tratamento.

 

FONTE: Prof. Dr. Caio Cintra



 

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias

Comentários

  • #1 sonia
    03/06/2011 08:23

    minha mae tem 90 anos naõ consig entender infecçaõ urinaria com tanta freq,porq naõ tem cura , ja estou desanimada.esta sempre tomando antibiotico naõ aguenta mais porq?

  • #2 lidiane
    21/01/2012 19:16

    oi, pois eu ja não sei mais o que faço pois sofro com essa doença , ja vai completar 13 anos , e todo os anos tenho no minimo 6 a 8 infecçoes por ano ja fui a bastante medico ja fiz varios exames de urina , de cultura com antibiograma ja tomei ciprofloxaximo, cistix, sinot clav, piridium, macrodantina , e um injetavel que ate ja esquecir o nome faço o tratamento correto mais não adianta de nada , ate alivia a dor mais quando para o tratamento la se vem tudo de novo , ja tomei ate os medicamento que no exame de cultura diz que a bacteria e resistente , mais não adianta ja fiz utrason para ver se tem calculos , mim ajudem

Deixe seu comentário

  1. Salmo 63 Para pedir proteção contra mentiras,...
  2. 16 de dezembro Astra Aniversariante do dia, Horóscopo do Amor,...
  3. Simpatia Para realizar um pedido
  4. Numerologia de 2015 Dicas para calcular seu Ano Pessoal e sua sorte
  5. Horóscopo de Dezembro As Previsões de Titi Vidal para o seu signo
  6. Horóscopo Sexual Descubra a Atração Fatal do seu Signo
  7. Simpatia Conseguir o que deseja
  8. Simpatia Amarrar pessoa amada
  9. Horóscopo do Amor e Trabalho para Dezembro Previsões de Isabel Mueller para o seu Signo
  10. Horóscopo 2015 Ano de Marte: o que aprendemos em 2014
  1. Oração do dia São Pedro Canísio
  2. Horóscopo Chinês 2015 Ano do Carneiro/Cabra. Previsões para você
  3. Previsões Astrais 2015 Horóscopo do Amor, Saúde e Trabalho
  4. 21 de dezembro Astra Aniversariante do dia, Horóscopo do Amor,...
  5. Simpatia Liberdade!
  6. Salmo 29 Para reconhecer todo o poder e a glória de...
  7. 20 de dezembro Astra Aniversariante do dia, Horóscopo do Amor,...
  8. Numerologia Ano Novo Dicas para reforçar e prosperar no novo ano
  9. Oração do dia São Domingos de Silos
  10. Simpatia Sedução poderosa!
  1. Salmo 63 Para pedir proteção contra mentiras,...
  2. Simpatia Amarrar pessoa amada
  3. 16 de dezembro Astra Aniversariante do dia, Horóscopo do Amor,...
  4. Horóscopo de Dezembro As Previsões de Titi Vidal para o seu signo
  5. Simpatia Para realizar um pedido
  6. Simpatia Afastar rival!
  7. Oração do dia Imaculada Conceição de Nossa Senhora
  8. Oração do dia Santa Adelaide
  9. Simpatia Pedido especial
  10. Horóscopo do Amor e Trabalho para Dezembro Previsões de Isabel Mueller para o seu Signo

Bemzen Shop

© bemzen. Todos os direitos reservados.

Webroom Soluções Interativas