1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes

A pele: Luzes causam problemas na derme

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Estudos recentes revelaram que não são apenas os raios ultravioleta que podem provocar problemas dermatológicos. Também a radiação infravermelha, que gera sensação de calor nas pessoas, produz efeito sobre a pele, podendo estimular o envelhecimento precoce. E ela pode vir de diversas fontes: além do sol, a radiação de alguns tipos de lâmpadas e até de equipamentos eletrônicos, como a televisão e o computador, podem afetar a pele.

De acordo com o dermatologista Sérgio Schalka, pesquisador na área de fotoproteção, “até pouco tempo atrás, acreditávamos que somente os raios ultravioleta poderiam provocar efeitos danosos à saúde. Entretanto, estudos mais recentes mostram que a radiação visível e a infravermelha são capazes de produzir alterações pigmentares na pele e radicais livres em grande quantidade, interferindo de forma significativa nos mecanismos de fotoenvelhecimento” explica.
 
Para a vice-presidente da SBD-SP, Dra. Flávia Addor, a radiação visível, mesmo de outras fontes que não o sol, além de interferir no envelhecimento da pele, estimula a formação de doenças como o melasma - manchas escuras, causadas pela produção acelerada de melanina. “É importante ressaltar que, em gestantes, a propensão de risco é maior, já que o hormônio responsável pela produção de melanina sofre alteração nesse período”, afirma a dermatologista, informando ainda que existem estudos com novas substâncias e produtos, que são utilizadas para proteger a pele contra a radiação visível.
 
Os novos estudos vêm reforçar a necessidade de proteção constante da pele, que pode ser feita com o uso de roupas e filtros solares opacos durante todo o ano, mesmo em ambientes fechados, mas com alta luminosidade.
 
“Apesar de não termos ainda um protetor capaz de bloquear a radiação infravermelha de forma integral, o filtro solar não deixa de ser extremamente necessário à preservação da saúde da pele”, completa o Dr. Sérgio Schalka, que também adverte para o fato de que “se não for aplicado adequadamente, em quantidade, uniformidade e regularidade na reaplicação, o filtro solar não oferecerá a proteção adequada”.

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias

Comentários

  • #1 Juliana
    02/08/2010 11:19

    Nossa nunca tinha pensado nisso. gostei da materia.

Deixe seu comentário

Bemzen Shop



© bemzen. Todos os direitos reservados.

Webroom Soluções Interativas