1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes

OS CIGANOS NO BRASIL:: Do século 17 até os dias de hoje, suas crenças, suas histórias

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Não se tem muitos documentos a respeito da história dos ciganos porque como sua língua é ágrafa, sem grafia, não existem registros escritos. A informação nos é chegada através de afirmações orais nem sempre comprovada.

Somente no final do século XVII é que podemos ver generalizado o degredo de ciganos para o Brasil. Bandos deles, provenientes de Castela, entravam em Portugal. Sua Majestade D. Pedro, rei de Portugal e Algarves, preocupadíssimo com a "inundação de gente tão ociosa e prejudicial por sua vida e costumes, andando armados para melhor cometerem seus assaltos", decidiu determinar, por decreto, que, além do degredo para a África, eles seriam também banidos para o Brasil: "Tendo resoluto que os ciganos e ciganas se pratique a lei, assim nesta corte, como nas mais terras do Reino; com declaração que os anos que a mesma lei lhes impõe para África, sejam para o Maranhão, e que os Ministros que assim o não executarem, lhes seja dado em culpa para serem castigados, conforme o dolo e omissão que sobre este particular tiverem." - Decreto em que se mandou substituir o exílio da África para o Maranhão, in F.A. Coelho, Os Ciganos de Portugal, Lisboa, Imprensa Nacional, 1892.

Esta resolução real foi estabelecida em 1686, mas a história dos ciganos no Brasil teve início realmente quando, em 1574, durante o reinado de D. Sebastião, o cigano João Torres veio degredado para o Brasil com sua mulher e filhos por cinco anos.

A Metrópole despejou seus "criminosos" nas terras coloniais ultramarinas, particularmente no Brasil e África. A colônia, por sua vez, mandou seus elementos indesejáveis e "gentes inúteis" para outras capitanias e continentes.

Em Minas Gerais, a presença cigana é sentida a partir de 1718, quando chegam ciganos vindos da Bahia, para onde haviam sido deportados de Portugal. Na época em que começaram a chegar a Minas Gerais havia neste estado um movimento muito importante com objetivos de progresso e ideais de independência. Como essas idéias não estavam consoantes com os ciganos, eles não eram bem vistos, sendo considerados inúteis à sociedade, vândalos, corruptores de costumes. Só começaram a ser vistos de outra forma quando passaram a comerciar escravos pelo interior do país. Esta atividade proporcionou uma maior aceitação e mesmo valorização social dos ciganos, já que passaram a exercer um trabalho reconhecido como útil por grande parte da população. Alguns ciganos tornaram-se ilustres, patrocinando até festividades na Corte.

No Rio de Janeiro, nos anos de 1700, os ciganos se estabeleciam nas cercanias do Campo de Santana. Suas pequenas casas, guarnecidas de esteiras ou rótulas de taquara, cercam o campo, dando origem à chamada Rua dos Ciganos (da Constituição). Os ciganos festejavam Santana, a quem chamavam de Cigana Velha.

Nas últimas décadas, pesquisadores concluíram que os ciganos no Brasil estão divididos em dois grandes grupos: Rom e Calon.

O grupo Rom é dividido em vários subgrupos como os Kalderash, Matchuara, Lovara e Tchurara.

Do grupo Calon, cuja língua é o caló, fazem parte os ciganos que vieram de Portugal e Espanha para o Brasil. São encontrados em maior número no nordeste, Minas e parte de São Paulo.

A Constituição de 1988 quase teve um artigo específico para os ciganos estabelecendo o respeito à minoria cigana. O então deputado Antonio Mariz propôs emenda proibindo discriminação étnica ou racial.

Mesmo assim, os ciganos estão abrangidos pela grande proteção dada pelos artigos 215 e 216 da Constituição, que manda preservar, proteger e respeitar o patrimônio cultural brasileiro, o qual é constituído pelos modos de ser, viver, se expressar, e produzir de todos
os segmentos étnicos que formam o processo civilizatório nacional.

Como toda minoria étnica (religiosa ou lingüística), os ciganos têm direitos importantes. O primeiro deles é o direito de não ser objeto de discriminação.

Afinal, um povo fascinante, amante da natureza, que sabe respeitar suas crianças e seus anciãos, que conserva suas origens e tradições apesar de toda perseguição e barbaridades sofridas, merece ser respeitado.

Não adianta amarmos nossas entidades ciganas, promovermos festas em sua homenagem, se não tivermos um mínimo de respeito e consideração por sua raça.


Norma Estrella
(21) 9776-7377 / (22) 2655-3963
normaestrella7@gmail.com

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias

Comentários

  • #1 norio ferreira
    28/11/2010 00:32

    Excelente publicação sobre o povo cigano , que aprendi a admirar e respeitar : os "filhos do sol e do vento" .

  • #2 tyro amaral
    07/12/2010 18:23

    Aqueles que são mais perseguidos, são os mais autênticos e valiosos representantes da Raça Humana!

  • #3 Cauzinha
    15/06/2011 15:13

    Não sei quem viaja mais, os editores ou os comentaristas. Não há nada mais indgno da vida que os ciganos.

  • #4 gilmar
    06/12/2011 16:53

    porque e que so se ve fotos de nao ciganos nos saites e nao de ciganos mesmo em suas barracas?

  • #5 Wladimir M.Guijarro
    06/01/2012 00:58

    Possuo alguns laços e afinidades c m querido povo cigano e tenho conhecimento sobre discriminações,mas são pessoas mediocres q usam a lingua sem osso para denegrir o desconhecido,sinto me orgulhoso por estar d alguma maneira ligado a seres tão animados,alegres,corajosos e vencedores.

Deixe seu comentário

  1. Horóscopo Mensal de Titi Vidal As previsões do seu signo em setembro
  2. Simpatia Para seu amor te procurar
  3. Astrologia da Depressão Como vencer o mal com seu Mapa Astral
  4. Numerologia do Destino Saiba calcular o Caminho de Vida
  5. Sexo com Prazer Dicas de como chegar no ponto G feminino
  6. Céu do Mês Setembro As previsões de Isabel Mueller
  7. Dieta sem Mistérios O segredo para Emagrecer com Qualidade
  8. Simpatia Para ter paz na familia
  9. Pernas Lindas Dicas de Solange Frazão além da malhação
  10. O Lado Negro da Sorte Os efeitos da cor preta na cromoterapia e na...
  1. 5 de outubro Astral Aniversariante do dia, Horóscopo do Amor,...
  2. Astral da Semana Previsões de Isabel Mueller para o amor e...
  3. Horóscopo Semanal As previsões de Titi Vidal para o seu signo
  4. 29 de setembro Astra Aniversariante do dia, Horóscopo do Amor,...
  5. Simpatia Sexo sem rotina
  6. Oração do dia São Miguel Arcanjo
  7. Salmo 26 Para acalmar os nervos, afastar o medo e se...
  8. Oração do dia São Venceslau
  9. 28 de setembro Astra Aniversariante do dia, Horóscopo do Amor,...
  10. 27 de setembro Astra Aniversariante do dia, Horóscopo do Amor,...
  1. Simpatia Para seu amor te procurar
  2. Sexo com Prazer Dicas de como chegar no ponto G feminino
  3. Numerologia do Destino Saiba calcular o Caminho de Vida
  4. Postura Positiva Cinco dicas para se dar bem numa entrevista de...
  5. Simpatia Para ter paz na familia
  6. Simpatia Para ele se apaixonar
  7. O Lado Negro da Sorte Os efeitos da cor preta na cromoterapia e na...
  8. Simpatia Pó mágico da sedução

Bemzen Shop

© bemzen. Todos os direitos reservados.

Webroom Soluções Interativas