1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes

PERDAS E GANHOS : Aonde você coloca sua atenção? No que ganha ou no que perde?

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

A. Ramyata

Há um velho ditado que diz: "Faça o máximo de tudo que vem e o mínimo de tudo que parte".Você já sentiu ou parou para refletir sobre isto? Se você tomar isto apenas como uma idéia, você estará apenas repetindo ou imitando, sem entender e/ou experienciar.

Aprender quando assumir o comando e quando se deixar levar - entregar-se - é a arte de viver. Então, fique atento a isto: "Faça o máximo de tudo que vem e o mínimo de tudo que parte" refere-se àqueles eventos que não podemos prever, alterar ou comandar. Por exemplo, calamidades naturais, acidentes, morte e perdas. Decidir se entregar a estas situações é não resistir. Quando resistimos a elas, experimentamos impotência e desencorajamento. Quando nos entregamos, os eventos passam sem causar danos além do necessário.

Vida são fases de perdas e ganhos, sempre que escolhemos algo, ganhamos o que escolhemos e perdemos o que não escolhemos. A chave para relaxar e viver em totalidade, contentamento e apreciação no presente é priorizar o que é importante. Dar muita atenção às perdas é fazer o maior do que está partindo. Isto significa colocar mais importância no que está indo.

Esse é o centro da tristeza - isto é sofrimento.

Mas, o que é que você tem a perder? O que pertence a você que você pode perder? Seu dinheiro, sua saúde, seus relacionamentos, sua vida? Isto tudo é seu ou está, temporariamente, sendo emprestado a você para que você os aprecie e usufrua? Como é que você veio ao mundo? Você nasceu com uma carteira cheia de dinheiro? Você nasceu vivendo este relacionamento?

Tudo segue seu curso natural - você estaria pensando como perda quando algo ou alguém passa por você?
Perda segue o ganho, assim como a noite segue o dia.
Sorrisos e lágrimas desfilam e acontecem na sua vida, para a sua apreciação. Estaria a sua atenção no que está ganhando ou no que está perdendo? Entre ganho e perda existe uma escala temporária de propriedades. No topo dessa escala, há apreciação e gratidão. Na outra extremidade da escala, há resistência e proteção, há "agarrar-se a". Quão facilmente os ganhos e as perdas passam por você?
A sua resposta determina a quantidade que você se permite fluir na vida, ou se você a obstruiu por escolha, consciente ou inconscientemente. Quando mais sólido você é, identificado, grudado, mais turbulenta é a sua vida. Algumas pessoas deixam de curtir, apreciar e fluir, pois sua atenção está focada no desespero de segurar e proteger... então elas estão escolhendo sofrimento.

Como é que aprendo a fazer o máximo do que vem e o mínimo do que vai?
A chave é: seja você mesmo e viva o presente - no presente! Quando você é você mesmo e vive no presente, o que chega é exatamente como deve ser e o que vai também. Se você se aflige por muito tempo, porque algo ou a pessoa amada se foi, você está provavelmente "sendo" este algo ou esta pessoa - identificado com isto. Você não está com a sua energia e o seu poder em si mesmo. O seu Verdadeiro Ser não está no comando da sua vida.

Será que existe um propósito, razão ou sentido para estes estados e períodos de ganhos e perdas acontecendo na vida?
O mestre cruza suas mãos e olha pensante: "Talvez ... "
"O que? Diga-me, mestre!"
"Eu não posso dizer exatamente, pois as razões e contextos variam. Mas, em cada um dos seus momentos individuais de ganhos e perdas, há uma conexão que você faz com os outros, um relacionamento de confiança, um aceno a algo indefinido e compartilhado. Aquele algo sabe. É alimentado pelo 'chacoalhar' da sua vida. Cresce em direção ao próximo momento."

É como um Respirar! Há ar entrando em seus pulmões, há ar saindo de seus pulmões. Respirar é ganhar e perder. O ar carrega muitos aprendizados. Você tem que soltar o ar (perder), antes que possa deixar entrar novamente (ganhar). Estaria você relutante em deixar ir, abrir mão, da próxima expiração? Você confia em que a próxima inspiração está chegando? Segure sua respiração por um instante e perceba: você está ficando mais feliz ou mais desesperado?

Viaje você os caminhos da vida honesta e corajosamente - o pior que pode lhe acontecer é "ganhar" ou "perder"...
Arrisque, se arrisque, porque a vida é morte e renascimento a cada minuto, a cada dia ... SEMPRE!

A. Ramyata é terapeuta holística e Master Avatar. Formou-se em meditação no Centro Osho da Índia. Conduz treinamentos em todo o Brasil e para empresas de diversos portes.

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias

Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário

Bemzen Shop



© bemzen. Todos os direitos reservados.

Webroom Soluções Interativas