1. Áries
  2. Touro
  3. Gêmeos
  4. Câncer
  5. Leão
  6. Virgem
  7. Libra
  8. Escorpião
  9. Sagitário
  10. Capricórnio
  11. Aquário
  12. Peixes

Autoconhecimento: Como será que podemos definir "Qualidade de Vida"?

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Está muito em moda falar em "Qualidade de vida". Como será que podemos definir "Qualidade de Vida"? Será que comprar o carro do ano, a roupa que se namora na vitrine ou uma nova jóia representa "Qualidade de Vida"? Se assim fosse, por que as pessoas compram e não se sentem felizes e satisfeitas? Poder viajar, conhecer novos lugares, pode ser sinônimo de "Qualidade de vida"? Se dissermos sim, por que então as pessoas viajam e dois dias depois estão tristes?

Qualidade de vida não está ligada a bens materiais, está ligada ao nosso estado de espírito, ao nosso Eu interior, à nossa própria energia.

Lembro de uma frase do Victor Hugo: "Encontrei na rua um rapaz muito pobre que estava amando. O chapéu era velho, o casaco surrado, a água atravessava-lhe os sapatos e as estrelas atravessavam-lhe a alma". Qualidade de vida é ter as estrelas, o Sol na nossa alma, é estar bem e feliz mesmo sem aquele carro novo. É poder ter a capacidade de gerenciar sentimentos, é conhecer as emoções, controlá-las e não ser controlado por elas. Qualidade de vida é não ter dores nem doenças, tanto no físico quanto na alma.

Conhecer os sentimentos que produzem má qualidade de vida é o primeiro passo. Aí você me pergunta: mas quais são os sentimentos que são capazes de produzir má qualidade de vida? Pois é, alguns conseguem levar uma pessoa à depressão, à agressividade, às atitudes impensadas. Alguns desses sentimentos são ciúme, inveja, ódio, mágoa, vício, medo, ansiedade. Pensando bem, que qualidade de vida pode ter uma pessoa que "morre" de ciúmes da outra, que tem o pensamento sempre voltado para "o que será que fulano está fazendo".

Outro sentimento que causa perdas na qualidade de vida é a preocupação. Preocupação vem de pré-ocupar, ou seja, se ocupar de uma coisa, antes que aconteça. Quantas vezes nos preocupamos e depois nada acontece e nossa preocupação foi em vão? E é dessa forma que aos poucos se perde a qualidade de vida e busca-se a ilusão de encontrá-la nos bens ou aquisições materiais. Nessa hora, estamos nos enganando.
Para ajudar a melhorar a qualidade de vida, as terapias alternativas vêm se aprimorando em novas técnicas com ótimos resultados. O Reiki, os florais, a cromoterapia, a aromaterapia são algumas técnicas que buscam trazer o equilíbrio do campo energético da pessoa, produzindo bem estar, elevando o padrão de pensamentos e conectando a pessoa à sua própria essência. A radiestesia colabora para detectar no ambiente energias que estão em conflito com a energia da pessoa.

Helena Lambrou
CRT 35110
E-mail: hlambrou@uol.com.br

  • Envie este link a um amigo
  • Compartilhe em: Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Orkut

Outras Notícias

Comentários

  • Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário

Bemzen Shop



© bemzen. Todos os direitos reservados.

Webroom Soluções Interativas